CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA

Classificação Etimológica

A expressão classificação científica, taxonomia ou classificação biológica designa o modo como os biólogos agrupam e categorizam as espécies de seres vivos, extintas e atuais. A classificação científica moderna tem as suas raízes no sistema de Karl von Linnée (ou Carolus Linnaeus), que agrupou as espécies de acordo com as características morfológicas por elas partilhadas. Estes agrupamentos foram subsequentemente alterados múltiplas vezes para melhorar a consistência entre a classificação e o princípio darwiniano da ascendência comum. O advento da sistemática molecular, que utiliza a análise do genoma e os métodos da biologia molecular, levou a profundas revisões da classificação de múltiplas espécies e é provável que as alterações taxonómicas continuem a ocorrer à medida que se caminha para um sistema de classificação assente na semelhança genética e molecular em detrimento dos critérios morfológicos. A classificação científica pertence à ciência da taxonomia ou sistemática biológica.

CACAU
(Botânica) fruto do cacaueiro (ou cacauzeiro), cuja a semente é usada na produção de chocolate e manteiga de cacau
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Malvales
Família: Malvaceae
Subfamília: Sterculioideae
Género: Theobroma
Espécie: T. cacao

Nome binomial
Theobroma cacao
Substativo Masculino
ca.cau
Singular: cacau
Plural: cacaus


Chocolate - Etimologia

Português.
Substantivo.

chocolate: substantivo masculino.


Etimologia:
Do náuatle chocolatl ou xocolatl

Tradução.

  • Alemão: Schokolade
  • Árabe: شوكولاته (shukulata)
  • Bretão: chokolad
  • Catalão: xocolata
  • Espanhol: chocolate
  • Esperanto: ĉokolado
  • Finlandês: suklaa
  • Francês: chocolat
  • Galego: chocolate
  • Grego: σοκολάτα (sokoláta)
  • Holandês: chocolade
  • Inglês: chocolate
  • Italiano: cioccolato
  • Lituano: šokoladas
  • checolate
  • Náuatle: chocolatl
  • Norueguês: sjokoladen
  • chukulati
  • Russo: шоколад (shokolád)
  • Sueco: choklad